Seu browser não tem suporte ao JavaScript!
Recursos de
Acessibilidade:  
Tecle Alt+1 : ir ao conteúdo Tecle Alt+2 : ir ao mapa do site Texto menor Texto maior Contraste                 
Marília, 20 de outubro de 2017
imagem
WILSON ALVES DAMASCENO - PSDB
Vereadores
19ª LEGISLATURA

Presidente Atual
WILSON ALVES DAMASCENO
CÍCERO CARLOS DA SILVA - PVDANILO AUGUSTO BIGESCHI - PSBEVANDRO DE OLIVEIRA GALETE - PODEJOÃO DOS SANTOS DINIZ NETO - PHS
JOSÉ CARLOS ALBUQUERQUE - PRB
JOSÉ LUIZ ZACHARIAS DE QUEIROZ - PSDBLUIZ EDUARDO NARDI - PRMARCOS JOSÉ CUSTÓDIO - PSC
MARCOS SANTANA REZENDE - PSD
MÁRIO CORAÍNI JÚNIOR - PTBMAURÍCIO ROBERTO - PPSILVIA DANIELA DOMINGOS D'AVILA ALVES - PR
Próxima Sessão

Sessão Solene

Título de Cidadão Mariliense ao

Sr. Júlio César Brandão

20/10/2017 - sexta-feira - 20h

Tv Câmara
Tv Câmara Agora
Tv Câmara no YouTube
Espaço Tv Câmara
Data: 12/06/2017 Hora: 19:40:25
Audiência Pública de elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias é realizada na Câmara

A Prefeitura de Marília, por meio das Secretarias Municipais de Planejamento Econômico e Fazenda, realizou na manhã da última quinta-feira, 8, na Câmara de Marília, audiência pública de elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2018.

Bruno de Oliveira Nunes, Secretário de Planejamento Econômico, e Levi Gomes de Oliveira, Secretário da Fazenda, apresentaram o projeto de Lei das Diretrizes Orçamentárias (LDO).

A Lei de Diretrizes Orçamentárias é realizada anualmente. Estabelece os parâmetros para o orçamento a ser elaborado e executado, adequando o mesmo às diretrizes e metas da administração pública. Um dos objetivos da LDO é a adequação entre receitas e despesas.

Durante a audiência, foram apresentadas a previsão de gastos em 2018 com locação de imóveis, as metas fiscais para os próximos três anos, a avaliação do cumprimento das metas fiscais do exercício anterior, entre outras exigências da Lei de Diretrizes Orçamentárias.

“A situação financeira da Prefeitura é preocupante para esse ano, mas nós estamos trabalhando muito em cima disso. Esse ano vai ser praticamente só para tentar reverter a situação que nós assumimos e a projeção do ano que vem já é de uma melhora”, destacou o Secretário de Planejamento.

Levi Gomes de Oliveira disse que é preciso fazer uma reforma administrativa para melhorar os resultados da Prefeitura. “Esses números mostrados com receitas e despesas são números que foram feitos lá atrás e nós estamos avaliando. Nós vamos fazer um novo orçamento, um novo plano plurianual que vamos começar a trabalhar agora e serão através de números confiáveis. Temos que apresentar aquilo que foi feito no passado, porque é questão legal, mas que não espelha a realidade do município.”